Técnicas para desenvolver a Leitura Lúcida

A leitura parece algo simples para aqueles que aprenderam desde pequenos, mas se for analisado todo o processo envolvido no ato de ler. Constata-se a complexidade intelectual, emocional e energética desta habilidade, desenvolvida ao longo de milênios, desde entalhes em ossos, placas de argila na Mesopotâmia, passando pelos papiros, até a invenção da imprensa e atualidade dos textos e bibliotecas digitais.

Contudo, capacidades técnicas de reconhecimento das letras, frases, estilos e tipos textuais; aptidões lógicas na análise dos conteúdos e argumentos do texto e crenças pessoais aprendidas podem facilitar ou dificultar a leitura lúcida e discernida. Estes fatores podem estar ao nível de mitos da leitura e exigir autoenfrentamento para serem superadas, como nos relata Kao Pei Ru:

“…a crença de achar que é preciso ler o livro de cabo a rabo para ser considerado como lido, ou o meu receio em fazer anotações no livro durante a leitura, …foi toda uma recin para deixar de ver o livro como algo sagrado e aprender a utilizá-lo de maneira prática, técnica e interassistencial.”
Kao Pei Ru – 15/08/2021
(ex-aluna do curso Leitura Lúcida – CEAEC)
 

Mas, a boa notícia, é que existem inúmeras técnicas que podem ser desenvolvidas e aproveitadas para a superação de dificuldades e ampliar a leiturofilia crítica pessoal, a exemplo do curso Leítura Lúcida, ministrado pela equipe de professores do Campus CEAEC:

Leitura Técnica

São várias as habilidades desenvolvidas através de técnicas, por exemplo:

  • ampliar o tempo de leitura;
  • aumentar a compreensão de textos;
  • melhorar o grifo e anotação nos livros;
  • otimizar a capacidade crítica;
  • análise argumentativa do conteúdo lido;
  • formar de referências sobre assunto de pesquisa;
  • planejar da erudição pessoal em prol da interassistência; entre outras…

— Você, caro leitor, já refletiu como está sua leitura?

— Encontra-se satisfeito em relação a frequência, qualidade e resultados obtidos?

Ampliação da Leitura

A leitura abrange uma série de tipos de textos impressos e virtuais além dos livros, e para cada material pode-se aplicar uma técnica específica que facilite o maior aproveitamento dos materiais.

Assim, ler notícias de jornais, revistas ou blogs é diferente de ler um dicionário, artigo científico ou uma enciclopédia; diferem também a leitura de textos de áreas diferentes, por exemplo, livros de autoajuda, da área biológica, administrativa, psicológica, de filosofia ou de política, os quais, muitas vezes, além de técnica, tempo e motivação, exigem um conhecimento prévio do assunto para desenvolver a compreensão.

Entretanto, é justamente esta diversidade, fator importante para a formação do leitor crítico, do bibliofílico, do autodidata, do pesquisador e do erudito interassistente, que favorece nascimento de um bom escritor-autopesquisador e o ressurgimento do ego funcional, cosmoético, do ex-escritor de vidas humanas prévias.

Esta ligação leitura-escrita, é uma das ferramentas que o conscienciólogo pode empregar para facilitar a recuperação de cons, além de auxiliar na produtividade intelectiva para o esclarecimento tarístico.

Neste quesito, você, intermissivista e leitor ou leitora, pode se aprofundar na Leiturometria e questionar-se:

  1. Assistencialidade. Utilizo a leitura para assistência interconsciencial?
  2. Parapsiquismo. Percebo o processo energético, evocações e iscagens enquanto leio?
  3. Produção intelectual. Utilizo o conteúdo lido para a escrita?

O universo da Leiturologia é surpreendentemente vasto para ser explorado como ferramenta de autoanálise, erudição, desenvolvimento mental e parapsíquico, a partir do exercício de diversos atributos mentaissomáticos.

São inúmeros itens que podem ser observados sobre a leitura pessoal como:

  • Capacidade de análise crítica.
  • Compreensão do conteúdo lido.
  • Hábito de ler.
  • Organização dos ambientes de leitura e classificação da biblioteca pessoal.
  • Qualidade da concentração, atenção e lucidez.
  • Técnicas utilizadas nos livros e textos.

Leitura e Autopesquisa

A leitura é elemento fundamental para o aprofundamento na autopesquisa e ampliação da autocognição. A conscin pesquisadora de si mesma necessita ler, analisar, refletir e criar uma biblioteca pessoal da temática estudada.

O professor Waldo Vieira, em entrevista gravada para o curso Leitura Lúcida, destaca:

“Sem leitura não há autopesquisa; sem autopesquisa não há evolução”.

A leitura está intimamente ligada com a realidade intraconsciencial. Ela demonstra a qualidade de inúmeros atributos já desenvolvidos, traços a serem burilados e dificuldades e talentos emocionais e intelectuais, além dos indícios de temperamento, dados de vidas pretéritas por meio das temáticas de leitura de preferência e, assitências multidimensionais durante a leitura.

Deste modo, a leitura pode ser utilizada para autopesquisa e desenvolvimento pessoal, intelectual, parapsíquico e interassistencial.

Importa ressaltar também o papel da leitura lúcida para o desenvolvimento de atributos conscienciais importantes para a evolução pessoal, tais como:

  • Associação de ideias.
  • Autoparapsiquismo, seja através das percepções bioenergéticas e multidimensionais durante a leitura, ou pelo aumento da compreensão dos parafenômenos, a partir da erudição trazida pelos livros e textos.
  • Concentração mental.
  • Descrencialidade (Princípio da Descrença).
  • Imaginação.
  • Intelecção.
  • Recuperação de cons.

Convite à Leiturologia 

Todos podem ser bons leitores e, com técnicas simples e dedicação, a conquista de muitas mudanças pessoais é certa. Como Kao Pei Ru fez em seu depoimento, as autoras também incentivam:

“…você, caro amigo(a) intermissivista, te convido a arregaçar as mangas, deixar os apriorismos de lado, assim como eu fiz, e adentrar no universo da Leitura Lúcida, cosmoética e interassistencial. Vamos nessa!”
Kao Pei Ru – 15/08/2021
(ex-aluna do curso Leitura Lúcida – CEAEC)

Autoras

Andressa Lima

Empresária, graduada em Engenharia de Produção, mestrado em Logística; brasileira, natural de Juiz de Fora, MG; voluntária da Conscienciologia desde 2012; docente em Conscienciologia desde 2013; tenepessista desde 2014. Autora de artigos científicos e verbetes da Enciclopédia da Conscienciologia.

Fernanda Schroeder

Graduada em Turismo e Hotelaria. Pesquisadora da Conscienciologia desde 1993 e voluntária desde 2003. Docente conscienciológica desde 2005. Autora de editoriais e artigos científico. Voluntária atualmente do CEAEC, no setor de Eventor e coordenaçaõ do curso Leitura Lúcida.

Kao Pei Ru

Assistente administrativa; graduada em Administração; brasileira, natural de Foz do Iguaçu, PR; voluntária da Conscienciologia desde 2013; docente em Conscienciologia desde 2017; tenepessista desde 2016. Autora de artigos científicos e verbetes da Enciclopédia da Conscienciologia.

Referências e Sugestões Bibliográficas

Fonte Imagem: Unsplash – Bill Oxford

  1. Lima, Andressa Castro de Lima; et al.; Curso Leitura Lúcida: Fomentador da Cientificidade. Artigo; Anais VII Semana Paracientífica; Foz do Iguaçu, PR; 20-26.07.20; Conscientia; Resumo; Trimestral; Vol. 24; N. 2; Associação Internacional do Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC); Foz do Iguaçu, PR; Abril-Junho, 2020; página 283.

  2. Lima, Andrêssa Castro de Souza; Resultados Pessoais obtidos no Curso Leitura Lúcida; Artigo; Conscientia; Revista; Trimestral; Vol. 22; N. 3; 4 enus.; 1 tab.; 14 refs.; 1 apênd.; Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC); Foz do Iguaçu, PR; Jul.-Set, 2018; páginas 283 a 294.

  3. Schroeder, Fernanda; et al.; Evolução do Curso Leitura Lúcida: Da Criação à 10a Edição; Artigo; Conscientia; Revista; Trimestral; Vol. 24; N. 1; Associação Internacional do Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC); Foz do Iguaçu, PR; Janeiro-Março; páginas 17 a 29.
Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Cadastre-se

📩 Receba NOVIDADES sobre a Agenda de Eventos do CEAEC. 
Insira seu melhor e-mail abaixo:

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Publicações Recentes