Quem é o Infiltrado Cosmoético? O que é Infiltração Cosmoética?

Infiltração Cosmoética

A personalidade infiltrada é personagem comum e amplamente vista nos filmes de Hollywood. É aquela pessoa que se disfarça, dissimula uma personalidade, um papel dentro de governos, empresas e grupos da máfia para se beneficiar ou destruir organizações.

Até certo ponto, é uma pessoa bonita, charmosa, inteligente, que vive uma vida dupla, regada de glamour e aventura. Esse é o cenário em que o espião, ou melhor dizendo, o infiltrado está à serviço secreto, na maioria das vezes, mal-intencionado.

Segundo o paradigma consciencial, a figura do infiltrado é adjetivado de cosmoético. Por que? Qual a diferença? O adjetivo refere-se, principalmente, à interassistencialidade associada a essa condição.

Daí, explica-se a diferença entre o infiltrado anticosmoético e o infiltrado cosmoético, aquele que está desapercebido, dentro da sociedade ajudando outras consciências. Enquanto que o espião, também disfarçado, age contra pessoas e instituições para obter ganhos secundários.

 

Qual o motivo da consciência fazer assistência anônima?

Imagine-se estar frente a uma personalidade famosa, de alto gabarito, de inteligência inigualável, sendo até certo ponto, superior a outras, segundo critérios da sociedade. Como você se sentiria? Constrangido, intimidado, tímido, ficaria mudo, sem palavras? Por isso consciências de altíssima lucidez e autodiscernimento optam por infiltrar-se cosmoeticamente e fazer a interassistência anônima, sem constranger aqueles que precisam de mais ajuda.

Entretanto, parte-se da hipótese que, para se chegar a esse nível de consciencialidade, a consciência passa por diferentes níveis de infiltração em que, aos poucos, ela vai praticando e entendendo a importância de ajudar calada, longe do reconhecimento público.

Ao longo da evolução, a consciência vai amadurecendo seu nível de consciencialidade e passa a ter mais responsabilidade, dentro da meritocracia. Assim, as tarefas interassistenciais a serem realizadas são mais complexas, difíceis, sendo, em certos casos, a condição do infiltrado cosmoético a mais indicada. Assim, a consciência vai em um crescendum profissionalizando-se como infiltrado.


Como saber se sou um infiltrado cosmoético?

A pessoa interessada em saber se está em algum nível infiltrada em meio específico, pode se propor a realizar autopesquisas, por exemplo, a conscienciometria e as pesquisas de vidas passadas (seriéxis) para então identificar possíveis situações em que esteve infiltrado.

A partir daí, pode-se expandir o estudo para os objetivos da infiltração cosmoética:
– Por que estive infiltrado cosmoeticamente naquele grupo?
– Qual a minha relação com aquelas pessoas?
– Isso é parte da minha programação existencial?

Essas e outras questões quando aprofundadas podem levar a reciclagens intraconscienciais e existenciais, sendo parte da evolução de toda consciência. Até o dia em que nos tornarmos profissionais na condição de infiltrado, serenões e serenonas ou os Megainfiltrados na Terra.

Autora

Giuliana Costa

Doutora em Geologia.
Verbetógrafa da Enciclopédia da Conscienciologia desde 2012.
Voluntária da Reaprendentia e Tenepessista desde 2015.
Docente da Conscienciologia desde 2016.

Referências Bibliográficas
  • Dicionário de Argumentos da Conscienciologia – Infiltraciologia
  • Enciclopédia da Conscienciologia – Infiltrado cosmoético.
Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Cadastre-se

📩 Receba NOVIDADES sobre a Agenda de Eventos do CEAEC. 
Insira seu melhor e-mail abaixo:

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Publicações Recentes